Page tree
Skip to end of metadata
Go to start of metadata

Para cadastrar um logger clique na opção "Create Logger" no canto superior direito da tela, a seguinte janela será exibida:


LoggersCreate Logger Device


Para mais informações sobre como instalar um logger device, acesse esta página.


Esta janela é dividida em duas abas que podem ser acessadas na lateral esquerda:

Além disso, a aba Archiving possui os painéis:

À seguir vamos analisar os componentes da aba Settings:


Settings


Este painel tem como função determinar as configurações do Logger. Para tanto, configure o formulário conforme as instruções a seguir:


Atente que o processo de upgrade intefere com as interfaces configuradas em loggers do tipo standalone. Para mais informações sobre o comando upgrade-blockbit, consulte esta página.


Create Logger Device - Settings


  • Name: Determina o nome do Logger a ser cadastrado. Ex.: Logger 1;
  • Mode: Define qual será o modo de atuação do Logger. Podendo ser:
    • Standalone;
    • Integrated.
  • Description: A descrição do logger, possui basicamente caráter organizacional;
  • Interface: Define a interface que será utilizada para configurar o logger, ela terá sido determinada no wizard de configuração do logger. Deve-se utilizar a mesma onde foi cadastrado o IP da logger, para mais informações, consulte esta página.
  • Address: Determina o endereço IP que será utilizado para acessar esse logger. Além disso, caso o H.A. de logger tenha sido configurado, o endereço definido neste campo será usado no heartbeat, para mais informações, consulte esta página. Ex.: 10.0.0.1;
  • Secret Key: É a chave secreta emitida pelo wizard de instalação do logger. Ela precisa ser colada na íntegra para o Logger funcionar, caso necessário, é possível copiá-la através da CLI usando o comando [logger-key]. Além disso, caso o H.A. de logger tenha sido configurado, a chave (ssh) definida neste campo será usada no heartbeat, para mais informações, consulte esta página;
  • Devices & Devices Group: É uma caixa de seleção que permite a localização dos devices ou grupos de device que o logger usará para criação de relatórios. Clique em [] para adicioná-los ou em [] para removê-los.


 O device UTM deverá estar previamente cadastrado no menu Administration, em Devices, na aba Inventory para ser exibido em Devices & Devices Group


Caso esteja utilizando Cluster de Loggers, atente que não é possível vincular um device a um logger que não esteja ativo no cluster. Para mais informações a respeito de como efetuar a ativação  manualmente, consulte esta página.


Isso conclui a configuração do logger.

À seguir vamos analisar como configurar Backups do Loggers:


Storage


Nesta interface o administrador tem os recursos necessários para gerenciar as rotinas de backups automáticas para cada dispositivo de Logger que for criado e para configurar a retenção destes mesmos.


Create Logger Device - Backups


Esta tela é dividida em dois painéis:

À seguir, iremos analisar cada um dos componentes dessa janela:


Backups


Neste painel estão as configurações que permitem criar uma rotina de backup automatizada para cada Logger.


Archiving - Backups


  • Enable []: Habilita o backup de Loggers;
  • Remote Storage: Define o local onde será armazenado os backups, os itens que aparecem nesta lista são criados na Aba Storages no menu System, porém, o Storage deve possuir a opção "Only Logger" habilitada. Para mais informações a respeito, consulte esta página. Ex.: Backup;
  • Number of Backup Retention: Determina quantos backups serão armazenados no diretório. Ao fim deste limite, o backup mais antigo é apagado. Por exemplo, caso opte por "3", só serão mantidos os 3 últimos backups, assim sendo, quando um novo backup for gerado será executada a rotina para apagar o mais antigo sempre respeitando o valor adicionado neste campo. Ex.: 1;
  • % Disk usage retention: Define a porcentagem de uso que o diretório criado dentro do storage usará ao salvar o backup. Caso o limite seja atingido, a rotação de backups é efetuada, removendo o mais antigo de forma a sempre manter os backups mais recentes. Caso um diretório possua 100 GB e seja optado por 30% de retenção, quando os registros ocuparem 30 GB a rotação será ativada, caso contrário, o número de retenção será verificado. Ex.: 100;

 O sistema atua primeiro verificando se a porcentagem de uso foi atingida e depois checando o número de backups retidos. Assim sendo:

  1. Caso ainda possua espaço livre, o sistema irá verificar o número de backups retidos.
  2. Caso a quantia máxima de retenção não tenha sido atingida, o armazenamento de backups continuará atuando normalmente sem apagar registros anteriores.

Analisando o cenário contrário, a atuação do sistema será conforme explanado abaixo:

  1. Caso o limite de espaço seja atingido, a rotação será ativada para manter apenas os backups mais recentes;
  2. Caso ainda exista espaço em disco, mas o número de backups retidos exceda o limite definido pelo administrador, os registros mais antigos serão removidos, respeitando o valor definido no campo, de forma que o diretório possua sempre os backups mais recentes.

Se o administrador não quiser que a porcentagem seja considerada, basta adicionar o valor "100" de modo que o espaço seja totalmente utilizado antes de ativar a rotação. Desta forma, só o número de backups retidos será considerado.


Isso finaliza a configuração do painel de backups do logger.

À seguir vamos analisar como configurar o painel Log Rotation.


Log Rotation


Neste painel estão as configurações que determinam a retenção dos logs armazenados pelo Analyzer para cada Logger.


 Atente que o Log Rotation não é dependente do Backup. Cada recurso pode ser utilizado separadamente, bastando apenas ativá-los conforme a necessidade pelas suas respectivas caixas de checagem.


Archiving - Log Rotation


  • Enable []: Habilita a retenção dos logs;
  • % Log retention by disk space: Determina o limite de retenção de logs por porcentagem de espaço em disco. O valor padrão é: 70%; O máximo é: 90%.
  • Log retention by period: Define o período de retenção dos logs, o primeiro campo determina o número de dias, meses e anos, já o segundo campo define o período propriamente dito, as opções disponíveis são:
    • Unlimited: Desabilita o primeiro campo e define que a retenção dos logs será ilimitada.
    • Days: Define que a retenção dos logs será feita em determinados dias;
    • Months: Define que a retenção dos logs será feita em determinados meses;
    • Years: Define que a retenção dos logs será feita anualmente.
  • Maintenance Interval: Define o tempo de manutenção dos logs, o primeiro campo determina o número de minutos e horas, já o segundo campo define o período propriamente dito, as opções disponíveis são:
    • Minutos: Desabilita o primeiro campo e define que a retenção dos logs será ilimitada.
    • Horas: Define que a retenção dos logs será feita em determinados dias.


Isso conclui a configuração do painel Log Rotation.

Para finalizar a criação do logger, clique em []. Caso queira cancelar o processo, clique em [].


A seguir analisaremos como remover um logger.

  • No labels
Write a comment…